Páginas

2 de dez de 2008

Português

Eu adoro a Língua Portuguesa. Me dá arrepios ver erros grotescos e me irrito com gente qui ixcrevi axin.

Mesmo assim, me enrolo com as vírgulas. Penso duas vezes antes de escrever tigela. Troco despensa por dispensa e falo janta no lugar de jantar.

Ai, Deus. Preciso de um intensivão. Mas também preciso voltar para o inglês.

Ê vida de escolhas...

4 comentários:

sabrina disse...

A vida é feita de escolhas...esse é bom da vida,já penso se tivessemos q aceitar tudo sem ter o poder da escolha.

Mas vida é assim generosa,nos da a opção de escolher,para cada escolha uma vontade...para cada escolha um aprendizado.

É nisso q consiste a magia,pq o nosso corção sempre indica o caminho e mesmo q em certos momentos possamos achar q certa escolha não foi certa,com o passar do tempo percebemos q foi,pq mudamos nossa maneira de ser,de agir,sempre ganhamos algo novo.

bjsssssssssssssss

Filipe Casagrande disse...

Também apanho pra língua portuguesa. Que triste. Tanto que apresentei minha monografia esta semana e tirei 9.6.

Segundo os professores, só não foi com 10 porque tinha muito erro de concordância e ortografia. O que dá escrever na pressa né Kellen? rsssss

Onde era pra ta escrito poço, virou "posso", no lugar de estava, virou "tava", entre outras "cositas" mais...

Mas faz parte. Eita língua portuguesa e concordância nominal e verbal que sempre derrubam a gente ¬¬

(a linguagem do "emiéssieni" é mais fácil, kkkkkk)

=*

Luciano e Sane disse...

entao volta pro ingles... pq no portugues tu ja eh um caso perdido.
ahuahuahuahuahauhu

Ju Dacoregio disse...

Mas falar "janta" não chega a ser um erro. Acho que é só um regionalismo...