Páginas

29 de jan de 2009

Mico

Cometi um erro ridículo hoje. Em um texto sobre saúde escrevi "hipertesão".
A cliente, uma médica psicanalista, corrigiu a tempo.

Caramba! Que diferença faz um n na palavra.

28 de jan de 2009

Quando acaba

Nem sempre eu concordo com o Arnaldo Jabor. Mas este texto é tão perfeito que dá vontade de assinar embaixo.
Leia até o final. Vale a pena. E lembre-se que o bom da vida é que você pode ter vários amores!


Quando acaba

Sempre acho que namoro, casamento, romance, tem começo, meio e fim.
Como tudo na vida. Detesto quando escuto aquela conversa:
'-Ah, terminei o namoro…
-Nossa, estavam juntos há tanto tempo……
-Cinco anos…que pena…acabou….
-é…não deu certo….’
Claro que deu! Deu certo durante cinco anos, só que acabou.
E o bom da vida, é que você pode ter vários amores.

Não acredito em pessoas que se complementam. Acredito em pessoas que se somam.
Às vezes voce não consegue nem dar cem por cento de você para você mesmo, como cobrar cem por cento do outro?
E não temos essa coisa completa.
Às vezes ela é fiel, mas é devagar na cama.
Às vezes ele é carinhoso, mas não é fiel.
Às vezes ele é atencioso, mas não é trabalhador.
Às vezes ela é muito bonita, mas não é sensível.
Tudo junto, não vamos encontrar.
Perceba qual o aspecto mais importante para você e invista nele.

Pele é um bicho traiçoeiro.
Quando você tem pele com alguém, pode ser o papai com mamãe mais básico que é uma delícia.
E às vezes você tem aquele sexo acrobata, mas que não te impressiona…
Acho que o beijo é importante…e se o beijo bate…se joga…se não bate…mais um Martini, por favor…e vá dar uma volta.

Se ele ou ela não te quer mais, não force a barra.
O outro tem o direito de não te querer.
Não brigue, não ligue, não dê pití.
Se a pessoa tá com dúvidas, problema dela, cabe a você esperar…. ou não.

Existe gente que precisa da ausência para querer a presença.
O ser humano não é absoluto. Ele titubeia, tem dúvidas e medos, mas se a pessoa REALMENTE gostar, ela vem!
Nada de drama.
Que graça tem alguém do seu lado sob pressão?
O legal é alguém que está com você, só por você.
E vice versa.
Não fique com alguém por pena.
Ou por medo da solidão.
Nascemos sós. Morremos sós. Nosso pensamento é nosso, não é compartilhado.
E quando você acorda, a primeira impressão é sempre sua, seu olhar, seu pensamento.

Tem gente que pula de um romance para o outro.
Que medo é este de se ver só, na sua própria companhia?
Gostar dói.
Muitas vezes você vai sentir raiva, ciúmes, ódio, frustração…..
Faz parte. Você convive com outro ser, um outro mundo, um outro universo.
E nem sempre as coisas são como você gostaria que fosse….

A pior coisa é gente que tem medo de se envolver.
Se alguém vier com este papo, corra, afinal você não é terapeuta.
Se não quer se envolver, namore uma planta. É mais previsível.
Na vida e no amor, não temos garantias.
Nem toda pessoa que te convida para sair é para casar.
Nem todo beijo é para romancear.
E nem todo sexo bom é para descartar… Ou se apaixonar… Ou se culpar…
Enfim…quem disse que ser adulto é fácil?

Tá quente?

Todo mundo fala tanto em aquecimento global. Tá na moda. Mas há quem diga que o mundo, na realidade, está sofrendo é um esfriamento global. Não sei.

Só sei que recebi um e-mail que "comprova" o aquecimento...





...pelo menos nos países baixos, próximo à Linha do Equador.

26 de jan de 2009

Conselho... de segunda

Nos últimos dias tenho aprendido que esse papo de “sou legal, não to te dando mole” não funciona muito bem. Se você é legal, vão achar que está dando mole sim. E pode ser, inclusive, perigoso. Explico:

Dia desses, tô eu voltando do trabalho, quase chegando em casa... dia de chuva. (Homem tem fetiche por mulher molhada de chuva?) quando um sujeito parado no sinal abre o vidro e grita: parabéns, parabéns!
E diz que sou linda.
Moça educada que sou, sorri e continuei o caminho. (Em dia de TPM isso faz um bem danado).

Daí que sábado tô indo no mercado, ajeitando o cabelo no meio da rua. E alguém grita: Tá linda, tá linda! Comecei a rir e atravessei a rua pensando que mais uma dessas e vou me achar a Juliana Paes. Eis que chegando no mercado dou de cara com o fulano. Ah, deve ser coincidência!
Não era. Acredite: o cara deu a volta na quadra, entrou na contramão e ficou me esperando na única rua que dá acesso ao Bistek.
Que meeeedo!
Ele me chama: “só um minuto, só um minuto, fala comigo”.
Eu heim...
Na saída dou uma geral no estacionamento. Mas sou péssima pra carro. Só sei que era uma caminhonete daquelas grandonas que não faço idéia do nome. E tinha uma assim lá parada. Começo a pensar no que tem de pesado nas minhas sacolas: uma lata de nescau faz algum estrago na cabeça de alguém?
Por via das dúvidas. Fui pra casa rapidinho.


Tá, e o que tem o cu a ver com as calças?
Tenho quase certeza que era o mesmo sujeito do outro dia. E deve morar perto da minha casa...

Moral da história: não sorria para estranhos na rua. Eles vão achar que você tá na pista pra negócio... (a não ser que você esteja mesmo, daí pode...)

***

Update: Respondendo ao Vilson (Zod): realmente, negar MSN pode ser uma coisa muito perigosa. Medo, muito medo. Vai que ele faz parte de uma quadrilha de tráfico de órgãs. Posso acordar em uma banheira cheia de gelo e descobrir que estou sem meus rins. ¬¬

Manchete tosca de cada dia

Gracyanne Barbosa samba em ensaio da Mangueira.

Humpf. E eu achando que ela ia dançar tango.


**

Mas não entendi uma coisa.

"Com um vestido verde e rosa, a dançarina sambou acompanhada dos ritmistas da agremiação, neste domingo".


Cadê o vestido?
Como diria minha mãe: isso não é uma blusa?


Ok. Pode achar que é despeito. Mas, cá pra nós, de que adianta ser todo gostosona e ser noiva do Belo?

21 de jan de 2009

Campus Party

O João, único menino no meio da mulherada no trabalho, tá em São Paulo entre os nerds do Campus Party. Uma experiência e tanto: várias palestras, novos contatos, e, principalmente, fotos com as coelhinhas da Playboy!
Ele já apareceu na home do site oficial, em foto de divulgação do evento com a maior cara de concentrado, além é claro, de estar bombando no orkut.

Um prodígio!

Mas daí abro o Terra e tá lá:

Fantoche nerd é o maior pegador da Campus Party Brasil

Pô, João, perdendo até pra um fantoche!


A Lene e eu, preocupadas com o conforto do nosso querido colega, analisamos as fotos das barracas coladas umas nas outras no acampamento, imaginando se é possível dormir caso o vizinho faça ruídos.

- Imagina um cara que ronca.
- Imagina um que solta pum.
- Será que dá de fazer sacanagem?
- Dããã, eles são nerds, não são chegados nessas coisas.

É, faz sentido.
Depois daquela manchete, faz ainda mais sentido.

20 de jan de 2009

Relaxa e...

Manchete safada no Terra:

Atriz Ísis Valverde faz massagem com bambus para relaxar

**

É, cada um relaxa como pode...

**

Mas que manchetinha filha da mãe, heim?

Enquanto isso no engarrafamento...

Se uma pessoa pega um livro, faz cara de concentrada e nem olha para os lados, o que você pensa? Nossa! Ela deve estar louca pra conversar! Vou puxar papo e fazer várias perguntas!
Certo? É claaaaro que não! E alguém precisa avisar isso pro velhinho que sentou ao meu lado na volta da praia. Ele não era assim um senhorzinho com cara de coitado, tava mais pra um daqueles que frequenta bailão. Mas velhinho é velhinho e a gente respeita, né?

Até que...

- Tu é estudante?
- Não.
- Mas quem fica com livro assim ou é estudante ou é professor...

Hã? Só estudantes e professores leem?

Foi uma longa viagem...

13 de jan de 2009

Da série "vergonha alheia"

A Ju botou o link do vídeo no twitter e perguntou se essa menina tem problema.

Mallu Magalhães no Alta Horas


Problemas temos nós em ter que aturar isso.

Assista. Vale a pena rir um pouco. Ou chorar... sei lá...

9 de jan de 2009

Saga

Precisava fazer um depósito no Bradesco. Ontem no intervalo do almoço lá vou eu. Chego na frente do banco e descubro que esqueci o papel com os dados da conta. Ok. Volto depois.
Final da tarde tô lá. Dados em uma mão, dinheiro na outra e... cadê os envelopes? Não tem. Ok. Volto amanhã.
Voltei. Abro a carteira e só tem dinheiro inteiro (isso é raro, mas acontece). Tudo bem, vou pedir pro moço de colete vermelho trocar pra mim. Hã? Só lá no caixa? Tá bom. Então eu entro no banco.
Entrei? Que nada. Deixar celular e chaves na caixinha não foi o suficiente praquela porta giratória filha da mãe. Travou. O guarda me chama de canto e faz uma relação de coisas que não vão passar por ela (engraçado que ele não citou pistola, faca, essas coisas...). Na minha bolsa tinha desodorante spray, máquina fotográfica, pilhas reservas, moedas. Ah, muita coisa. Se bobear, tem que deixar até a calcinha. Vou trocar as onças em outro lugar.
Como em Criciúma cada passo é uma farmácia, lembrei de comprar a pílula nossa de cada dia. Assim, já troco o dinheiro. Yes!
Tentativa número 1. Enquanto a moça vai olhar se tem, aproveito pra me pesar. Caramba, tô gorda! E a marca que eu tomo está em falta.
Tentativa número 2. O nome do lugar é Farmácia dos Genéricos. Lá sempre tem a que eu quero e é mais barato. É lá mesmo que eu vou. Um velhinho invocado discute com o cara do balcão. “Eu quero Sorini, não quero genérico (lembre que o lugar é farmácia dos genéricos), e não quero saber se outro é mais barato, coloca o Sorini mais barato”. Chega minha vez. Adivinha? Está em falta. Putz. Será que descobriram que o comprimido é de farinha, o laboratório faliu e só eu que não soube? E o cara pergunta se eu quero outro. Deu vontade de imitar o velhinho. Haha Pelo menos na balança dali eu to com meio quilo a menos. E tô preferindo acreditar nessa!
Tentativa número 3 – pergunto meio desconfiada, já pensando num substituto. Mas tem! Achei! Mais caro, mas comprei. Ah, e troquei o dinheiro. Bóra voltar pro banco.

Pô, cadê os envelopes de dinheiro? Daí o moço do colete vermelho diz que pode ser no de cheques. Ufa! Agora vai. Olhei pro comprovante meio duvidando, mas tá lá, depositado!

Hora de voltar ao trabalho.

Lua cheia

Lua cheia
Desliga o farol
Namora comigo
À espera do sol

Tira a roupa
Pra um banho de mar
É pele na pele
Desejo no olhar

Água faz
Pensar em fantasias
Pra fazer amor
Só eu e você

Lua faz
O nosso sentimento
Libertar o amor
Se enlouquecer...

Deixa a doidera bater
Pra nunca mais esquecer
Deixa a maré nos levar...


*******

Armandinho, pra quem vai ou não pra praia...
Ótimo final de semana!

Constatação do dia

Se eu já achava que a Rosana Herrmann fazia eu me sentir uma "analfabeta" digital, ver as opções do "me adiciona" do Edney faz eu me sentir um ET.

Dá uma olhada lá e diz se não bate a sensação de "putz, que porra é essa aqui?".
Das 66, conheço 19... vixe.

E ainda temos que aprender as novas regras da Língua Portuguesa.

Haja cabeça pra tanta informação!


Boa sexta!

8 de jan de 2009

Enquanto isso na ilha de Caras...

A "cumplicidade" de Suzana e Ana Maria na Ilha de Caras tá uma mistura de engraçado com macabro.

Sei lá. Não precisa ser viúva deprê, mas “aliviada, feliz e bemhumorada” me passa exagero. Se é verdade ou não, não é da minha conta e minha vida não muda uma vírgula. Mas se for, eita, mulher “macha” essa Suzana.
Só acho que vai ter neguinho reclamando do “Me sujeitei a casar com um policial militar”. Da próxima tenta um cara do PCC... vai que dá, né?

E a Ana Maria não perde mesmo uma chancezinha de aparecer. Depois de bombar no you tube com o vídeo bendito, e aparecer na Caras com jeito de “matei mesmo, e daí?", agora ela vai acordar a si mesma no BBB. Salve-se quem puder!
Na real, aquela velha deve ser um humorista disfarçado de Ana. Só pode. Imitação fuleira.

Mas medo, muito medo é mesmo em relação a jornalista-modelo-coelhinha da playboy. Pô, já não basta o jornalista encebado e metido a Clark Kent da novela das oito pra avacalhar (a já não muito boa) imagem da classe? E tem uma assessora de imprensa...
Medo. Medo. Muito medo. Algo me diz que ainda vou sentir muita vergonha alheia.

5 de jan de 2009

Hero

Passou o dia, mas meu aniversário continua rendendo paparicos e presentes. Adoro isso!
E o João me deu um CD/DVD do Biquíni Cavadão com aquela música “Vou te levar comigo”. Ainda vou cantar essa música pra alguém. Quer dizer, ainda vou mandar por e-mail, mensagem... ou colocar o CD pra ouvir junto... (cantar pode não ser uma boa idéia).
O que importa é que “Vou te levar comigo pra longe. Muita coisa nos espera. Me espera na janela, vou te levar comigo”. Ah, música massa, né?
A Lene também gostou do presente que eu ganhei. Ela disse pro João que eles têm que me “doutrinar”... hahaha

Tá, e o que o título do post tem a ver com isso? Ganhei o CD da Mariah também! Hero é a primeira. Parece tipo “Lua de Cristal”, uma coisa meio motivacional... mas tô nem aí, adoro mesmo!
Sem falar em My All... “eu daria tudo de mim para ter só mais uma noite com você”... ai, ai... músicas exageradas às vezes irritam, mas não nesse caso... amo!


Agora chega de música que é hora de voltar ao trabalho!
"Cantarolando"... mas eu volto...

CSI

E no Terra:

SP: corpo achado no litoral pode ser de turista


**

Por que? turistas costumam ir para o litoral no verão?

2 de jan de 2009

Inaugurando 2009

Primeiro post do ano! Yes!

Nada como encontrar pessoas gentis logo no início do ano, né?
Olha a situação:
Na caça por notinhas de economia, ligo pra um lugar e peço pelo dono do barraco. Depois da musiquinha volta a secretária:
- Ele disse que não vai te atender.
- Pq?
- Porque ele não quer falar com nenhum jornal.

¬¬

*
Ok. Eu não ia vender nada, ia falar da empresa dele absolutamente de graça. O que custava passar informação e colaborar para que eu fosse pra casa dormir já que essa chuva danada tá me deixando ainda mais sonolenta do que o de costume?
Tá, é ano novo. É época de fazer promessas de que vamos ser mais legais. Então nem vou escomungar o filho da mãe que não me atendeu e nem desejar que ele vá à falência. Não mesmo.

E viva o otimismo de ano novo!