Páginas

14 de jan de 2008

Mais um papo de segunda...

Passado o findi, lá vem ela outra vez: a segunda-feira!

Semana passada ganhei um termômetro do humor. É interessante! A gente move o marcador para o bonequinho que mais combina com nosso humor no dia. O meu hoje está no motivado! e isso não é pra fazer média no trabalho, juro!
E o seu, está em qual? As opções são: bravo, triste, cansado, motivado e feliz. É só se servir!

Em pleno 2008 ainda me surpreendo em como muitas pessoas não se adaptam a coisas simples da vida, como o elevador. Explico: hoje de manhã estava eu no elevador, subindo, quando entraram duas moças (lá pelos seus 30 ou 30 e poucos anos). Meu andar é o quinto e já estava apertado, inclusive iluminado. Mas elas queriam descer. Apertaram o zero, meio desconfiadas. E, num ato de gentileza, uma disse pra outra: deixa ela ir primeiro.
Ã? Como assim deixa eu ir primeiro? O elevador já tava subindo, mas nem que elas quisessem ele levaria elas primeiro. Engraçado! A intenção foi boa, eu sei...
e o medo delas quando ele parou no meu andar foi evidente. Não ri, pelo menos não até a porta se fechar novamente.
Repare: pessoas com medo de elevador são mais comuns do que a gente pensa!


E já tão chamando o tal do Pato de “fenômeno”. Mal chegou na lagoa, coitado. Pecados da mídia! Aliás, um dos tantos que ela comete.

Hoje estávamos falando sobre nudez na televisão. Ta cada vez mais comum, a gente até acostuma. As gurias se esfregando nos caras no Big Brother, pegação total... daí encontrei um texto no Terra que achei legal, olha só:

“ O mostrar-se, porém, é a praga que afeta todos que estão na casa ou participam do dia-a-dia da mesma. Uma locução típica dos documentários sobre o reino animal se encaixaria com perfeição em 80% dos momentos do BBB.
"Com chegada do verão, os machos começam a disputar seus espaços com outros machos, para que as fêmeas, ao perceberem suas existências, permitam que os rituais de acasalamento tenham início".
Bem menos interessante que o dos pingüins, dos albatrozes, das focas ou da cotovia de papo amarelo, o ritual dos machos do BBB é marcado por uma pobreza espetacular de vocabulário, imaginação e poesia. ”

Isso é só um trecho, o autor é Márcio Alemão.
E vai dizer que não é bem assim?

E no blog da Rosana Hermman um comentário sobre carnaval. Ótimo como sempre. Se puder, leia: queridoleitor.zip.net
Ela fecha com “Em fevereiro, nudez total recebe o nome rimado de folia”.

Pois é!

Chega de papo de segunda! O relógio avisa que é hora de voltar para o segundo tempo!

Boa semana!
Bom ano!
Boa vida!

Um comentário:

Juliana Dacoregio disse...

sim, muito mais gente do que imaginamos tem medo de elevador! Dá de notar no semblante de algumas pessoas o medo do monstro que sobe e desce quando elas precisam "viajar" nele!